RJ (21) 3105-8822      RJ (21) 98705-8661

BPO Financeiro: O que é e como ele pode auxiliar no desenvolvimento do seu negócio

BPO Financeiro

BPO é uma sigla que vem da língua inglesa, resultante da combinação das palavras: Business Process Outsourcing; traduzida para o bom e velho português, significa: terceirização da gestão de um determinado processo. 

Resumidamente, BPO Financeiro é quando você contrata uma empresa terceira para gerir as finanças do seu negócio; quando as tarefas de administrar o caixa, o fluxo de caixa, as contas a pagar e a receber, já se tornaram inviáveis para sua rotina como empresário. 

Essa empresa, responsável pelo BPO Financeiro, pode ficar encarregada, também, por toda a gestão financeira da empresa contratante, realizando as atividades contábeis necessárias com toda agilidade e precisão de uma equipe especializada. 

OK, AGORA QUE VOCÊ JÁ ENTENDEU O QUE É O BPO, CHEGOU O MOMENTO DE ENTENDER QUAIS AS ATIVIDADES DO SEU NEGÓCIO FICARÃO A CARGO DELE. 

Entre as atividades financeiras que podem ser delegadas ao BPO estão inclusas as contas a pagar e receber, controle do fluxo de caixa e até mesmo o faturamento e o pagamento de impostos, taxas e tributos. Ou seja, se a atividade tem relação com finanças, em tese, ela pode ser terceirizada sem exceções. No entanto, temos algumas que se destacam entre as mais requisitadas pelos empresários e gestores, que são:

  • Conciliação bancária; 
  • Elaboração do fluxo de caixa;
  • Contas a pagar; 
  • Contas a receber; 
  • Gestão de indicadores; 
  • Análise de crédito; 
  • Emissão de documentos fiscais. 

Podemos, também, subdividir as atividades listadas acima em dois grupos: operacional e analítico. No grupo das atividades operacionais destacam-se aquelas que são imprescindíveis para o dia a dia da empresa. Lembrando que quando elas são conduzidas por especialistas, podem ser executadas em menor tempo e com um índice menor de erros. 

Já no segundo grupo temos as chamadas atividades analíticas. Aqui, estão incluídos os relatórios produzidos visando dar suporte aos gestores na tomada de decisão. Muitas vezes, as empresas têm as informações, mas não dispõem de meios para cruzar esses dados e elaborar relatórios a partir das constatações. Ter especialistas responsáveis apenas por essa tarefa resulta em melhores condições de suporte à tomada de decisão e, consequentemente, a possibilidade de se fazer escolhas mais assertivas. 

ME INTERESSEI PELO BPO, MAS… SERÁ QUE ELE SE ENCAIXA EM QUALQUER TIPO DE NEGÓCIO?

Sim! Tanto as grandes quanto as pequenas empresas podem se beneficiar com as vantagens que o BPO Financeiro proporciona. Embora as razões sejam diferentes, há benefícios claros tanto para negócios ainda em fase inicial quanto para companhias muito bem estabelecidas.

Para aqueles que estão iniciando um negócio, dar atenção à qualidade dos produtos e ao relacionamento com os clientes é essencial. Qualquer tempo “perdido” para se dedicar a outras atividades que não sejam aquelas relacionadas à atividade fim da empresa pesa quando se fala de equipes com quantidades reduzidas de colaboradores. Portanto, um BPO poderá assumir esse papel, delegando um especialista para acompanhar as finanças do seu negócio, algo que para empresas ainda estágio inicial nem sempre é possível devido ao fato de os salários desses profissionais serem frequentemente incompatíveis com a disponibilidade de capital. 

Já para as grandes empresas a situação é diferente. Nesse caso, o que elas mais buscam é redução de custos, pois muitas vezes tem folhas salariais onerosas e inchadas. A reorganização das tarefas e delegação dessas atividades para uma empresa especializada não apenas auxilia na redução dos custos como também proporciona tomadas de decisões mais rápida. 

Se for necessário, é possível ampliar o pessoal dedicado a essas tarefas sob demanda. Em outras palavras, não se trata de adicionar gastos fixos à sua folha de pagamento, mas sim de um custo variável que pode ser adaptado à meses nos quais o fluxo de trabalho se apresente em maior volume.

OK, MAS E NO MEU NEGÓCIO, O BPO SE ENCAIXA?

Antes de terceirizar as finanças do seu negócio é importante considerar alguns pontos: 

  • Por mais que você tenha uma empresa dedicada à gestão financeiro do seu negócio este serviço será realizado de forma remota, então entenda se isso irá gerar algum problema operacional, por exemplo, necessidade de emissão de nota de saída, controle de estoque, etc. 
  • Para pequenas empresas, muitas vezes a gestão financeira fica para um dos sócios do negócio. Entenda o quanto ocupar uma das pessoas mais importantes da empresa com questões financeiras está impactando o andamento do negócio. 
  • Se sua empresa é uma startup e está validando o produto ou serviço, muitas vezes a equipe é pequena e cada nova contratação tem um grande impacto no negócio. Terceirizar a parte financeira pode ser mais barato e muito mais eficiente, já que você terá à sua disposição uma equipe de especialistas com vasto conhecimento e que pode ajudar também com métricas e informações necessárias para conversas com investidores. 

Mas, em geral, terceirizar a gestão financeira de uma empresa é uma grande oportunidade do gestor ter fôlego e tempo disponível para focar no que realmente deseja. Por isso, a área financeira precisa de muita organização e atenção desde a sua criação. 

Agora que você já sabe como o BPO Financeiro pode te auxiliar, coloque no papel suas maiores dores na gestão financeira, e perceba qual a sua necessidade de contar com o BPO para impulsionar o desenvolvimento do seu negócio. 

Fonte: Krater

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência no nosso site.